Dicas de viagem

Costumamos planejar nossas viagens a partir do tempo que temos disponível e do destino pretendido. Estudamos o roteiro, opções de hospedagem no destino e no percurso, condições das estradas. Há vários sites úteis e uma rápida consulta no google localiza alguns deles.

Sempre que possível, procuramos não retornar pelo mesmo caminho feito na ida. Com isso conhecemos mais lugares e a volta não fica monótona por passar por caminhos já conhecidos.

Uma questão constante nos sites de viajantes é a bagagem. O que levar ? Em bolsas, mochilas, baús ou malas laterais rígidas ? Já vi sites com "receitas" de o que levar, incluindo inúmeras ferramentas, peças de reposição, câmaras de ar. Bem, cada um com sua opinião, mas pessoalmente eu carrego o mínimo possível em roupas. Ferramentas só as originais da moto, pois não tenho conhecimento de mecânica suficiente para consertar a moto em caso de pane. Em relação às roupas já levei muitas para passear, indo e voltando sem tocar em boa parte delas. Hoje carrego o mínimo possível, se precisar compro no caminho. Quando sujar pode se lavar no hotel ou em lavanderias nas cidades com mais recursos.

Muita gente pergunta quanto se gasta em uma viagem de moto. O único custo fixo é o combustível, pegue a distância a ser percorrida, divida pelo consumo de sua moto e multiplique pelo preço da gasolina e terá o valor a ser gasto com combustível. Alimentação e hospedagem variam de acordo com o que se quer ou pode gastar. Lembrando sempre de reservar algum dinheiro extras para gastos inesperados.