Salvador/BA

Vigésimo dia - 21 de novembro de 2013 - Turismo em Salvador

Dei um Rolé de moto pela cidade, sem GPS, ao tentar voltar pro Hotel fiquei perdido, mega engarrafamento, sol escaldante, praia do Flamengo, fica pra próxima!!!!

 

 

Com meu amigo Jorginho !!!

Depois de chegar exausto da volta do passeio da manhã, por conta do trânsito e da falta do GPS  resolvi buscar na internet um cupom de algo bom que pudesse ser usado na hora. Encontrei uma moqueca no Sabores da Dada, de 85,00 por 39,00 e na ansiedade de comprar marquei 2 cupons, sendo que bastava 1. O GPS que tanta falta fez mais cêdo, dessa vez me ferrou. Saí a pé, passei na frente do restaurante sem vê-lo, fui até uma praça e fiquei rodando , procurando , e perguntando. O endereço não existia e o sol torrando. Voltando para o hotel achei o restaurante que era praticante do lado do mesmo. Entrei já sem paciência no restaurante e dei de cara com uma decoração sinistra com uma santa grandona no balcão e um garçom com cara de maluco total. Havia  só um casal nas mesas e parecia que era um castelo mal assombrado.  Pedi uma caipirinha e a moqueca do cupom e o cara de fantasma ficou uns 20 minutos  fazendo a caipirinha que , para minha surpresa , estava excelente . Como a cerveja estava geladaça , agora só faltava a moqueca,  Se essa droga fosse ruim ,  o dia se completaria com só merda em Salvador. Porém , assim como a caipirinha , a moqueca estava maravilhosa, um absurdo de boa com camarões e peixes de deixar na panela de barro. Comi demais e depois voltei para o hotel onde fiquei quase morto . Sol,sol,sol, trânsito, trânsito,trânsito,perdido mil vezes, de barriga cheia e com mêdo de sair de novo do hotel!!! Essa foi a segunda metade de dia em Salvador!!! E essa baiana tá rindo de quê ? Kkkkk